Publicado em: terça-feira, 13/12/2011

Andrés Sanchez já não garante Tite

O que era praticamente certo, agora já não está tão garantido, e o presidente do Corinthians, Andrés Sanchez passa a cogitar a possibilidade de não renovar o contrato com o técnico Tite. Durante o programa ‘Bem, Amigos’, do Sportv, na noite desta segunda-feira (12), o dirigente demonstrou irritação com as negociações.

O presidente do Corinthians não tem gostado da maneira como o empresário do técnico, Gilmar Veloz. tem atuado durante as negociações, criticando principalmente o salário alto que vem sendo pedido, segundo Sanchez, fora da realidade do futebol brasileiro.

Em entrevista ao programa comandado por Galvão Bueno, o dirigente corintiano, que irá se licenciar do cargo no final da semana, revelou que o empresário do técnico teria pedido até R$ 800 mil mensais, o que Sanchez considera ‘uma ofensa’.

De acordo com o presidente do Corinthians, a definição sobre a renovação – ou não – do técnico deve durar até, no máximo, sexta-feira (16). Andrés Sanchez ainda afirmou que não sabe se Tite teria uma proposta do exterior, mas deu a entender que não fará esforços para mantê-lo no comando da equipe.