Publicado em: quarta-feira, 30/05/2012

Analistas esperam corte de 0,5% na Selic depois da reunião do Copom

Os analistas do mercado financeiro que participaram na pesquisa feita pelo Banco Central responderam que estimam uma redução de 0,5% na taxa básica de juros, a Selic. A reunião do Copom para decidir a taxa teve início ontem e termina hoje. Atualmente a taxa é de 9% ao ano. Os analistas esperam ainda que até o final do ano haja mais um corte, além deste que está previsto para ser anunciado hoje. Assim a Selic terminaria o ano em 8%. Este ano a redução já foi de 2% desde janeiro. Para 2003 estima-se que a taxa fique em 9,5%.

Inflação deve ficar em 5,21%, estima pesquisa

Conforme as expectativas dos analistas, a inflação medida todos os meses pelo IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) está estimada em 5,17%. Uma queda com relação a previsão anterior, que era de 5,21%. Esse percentual fica dentro do esperado, mas acima do centro da meta que era 4,5. O valor máximo esperado é de 6,5%. Para o próximo ano, a projeção dos economistas entrevistados é que a inflação fique em 5,6%.

Estimativa do PIB para 2012 tem queda

A pesquisa realizada pelo BC também indica que o ritmo do PIB pode reduzir e a economia crescerá abaixo do esperado para este ano. A projeção do PIB para este ano estava em 3,09% e na última pesquisa caiu para 2,99%. Para 2013, o valor estimado foi mantido em 4,5% como estava na última previsão. Em função desse cenário de queda da estimativa de crescimento da economia, espera-se uma redução também na Selic depois da reunião do Copom. A Selin também tem influência sobre a caderneta de poupança. Com a queda esperada da Selic, no próximo mês a remuneração da poupança terá alteração.