Publicado em: quinta-feira, 23/02/2012

Analistas apresentam previsão de redução da inflação em 2012

Na pesquisa Focus, do BC, a estimativa do IPCA caiu para 5,24%. Os analistas amenizaram a previsão que indicava aumento de preços. A pesquisa foi divulgada ontem (22) pelo Banco Central (BC) e mostra que a estimativa para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) recuou de 5,29% para 5,24%. A pesquisa Focus é realizada com aproximadamente 80 analistas semanalmente.

O IPCA é o índice utilizado para observar as metas de inflação. Hoje é calculado a 4,5%, podendo variar entre 2,5% e 6,5%. Destaca-se que embora para 2012 os analistas estejam prevendo queda na inflação em 2012, para 2013 observou-se aumento de 5% para 5,02%. Há quatro semanas esse valor não passava de 5%.

Mercado está otimista com o IPCA

O recuo das estimativas dos analistas ocorreu em função do mercado que está bastante otimista com o IPCA. A inflação para os próximos meses também caiu consideravelmente. Para fevereiro previa-se 0,55% e agora está em 0,48%, o que é uma queda expressiva. Para março estima-se um recuo de 0,46% para 0,45%. Em Janeiro, em outro resultado da pesquisa, os analistas previam altas de 0,58% e 0,48% para fevereiro e março. Com esses dados mais otimistas, os analistas apostam em uma retração no IPCA dos próximos 12 meses, diminuindo de 5,30% para 5,27%.

Pesquisa mostra estimativa do IGP-DI e IGP-M

Na última pesquisa os números do IGP-DI e IGP-M também recuaram. A estimativa para o Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI) caiu para 4,65%, apresentando a terceira redução consecutiva. Para o Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M), responsável pelo reajuste dos alugueis, a previsão recuou para 4,62%. Em janeiro a previsão dos analistas estava em 5,01% para o IGP-DI e de 5 % para o IGP-M. Os analistas já possuem estimativas para 2013, sendo de 4,93% para o IGP-DI e de 5% para o IGP-M. No final do primeiro mês do ano a previsão era de 4,90% e 5,00% para os dois índices de inflação.