Publicado em: quinta-feira, 27/02/2014

Anac vai permitir voos de drones de até 25 kg a até 120 metros de altitude

Anac vai permitir voos de drones de até 25 kg O uso de voos tem sido debatido por políticos e empresários brasileiros que contestam a utilização de drones, para eles, os drones podem invadir a privacidade das pessoas caso sejam acopladas câmeras de segurança. A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) enviou uma proposta sobre a altura e peso máximo destes dispositivos, e deve entrar em vigor até o fim de 2014.

A proposta vê com bons olhos a utilização de drones para o comercio, com já vem sendo feito nos Estados Unidos, e a Anac acredita que facilitar a circulação de vants (veículos aéreos não tripulados) é uma oportunidade para ampliar o comércio. De acordo com o texto, será permitido voos de drones com até 25kg e altitude máxima de 120 metros em lugares públicos.

Limitar a altitude seria uma forma de impedir que estes objetos tornem-se perigosos às pessoas, sobretudo em regiões próximas a aeroportos. De acordo com um levantamento realizado no ano passado, há 5 drones liberados pelo governo, mas não significa que são os únicos a alçar voos. Inclusive a polícia faz uso ilegal dos objetos, e a liberação dos aparelhos aéreos seria uma forma de facilitar o trabalho da polícia em caso de investigações.

Além disso, a Anac assegura que as regras serão menos rígidas, e facilitará o uso comercial e particular dos objetos. Atualmente, para obter autorização da agência, é feito uma série de exigências sendo que o processo é longo e pode chegar a um ano.

No Brasil há aproximadamente 20 empresas que vêm cobrando da Anac uma lei que facilite as operações, para que os drones sejam utilizados como serviço de entrega ou até mesmo para gravar casamentos.

Outro fator extremamente importante é a licença para que os pilotos destes possam operar, portanto, a Anac já adianta que será realizada uma capacitação aos operadores.