Publicado em: terça-feira, 24/07/2012

Amelia Earhart – Saiba quem é a homenageada de hoje

Amelia EarhartPioneira na aviação, Amelia Earhart recebe homenagem do Google

Nesta terça-feira (24) o Google prestou mais uma homenagem a um personagem importante da história mundial com um dos seus doodles. Desta vez, a lembrança foi para o 115º aniversário da aviadora norte-americana Amelia Earhart.

Ela foi uma das pioneiras da aviação dos Estados Unidos, além de grande defensora dos direitos das mulheres no país. Seu maior feito foi ter sido a primeira mulher a atravessar sozinho o Oceano Atlântico em um avião.

Amelia Earhart nasceu no dia 24 de julho de 1897 na cidade de Atchison, no Kansas, e desapareceu no dia 2 de julho de 1937. Ela foi declarada morta apenas em janeiro de 1939 após várias tentativas de busca pelo seu corpo.

A sua morte foi cercada de mistérios, já que ela desapareceu em meio ao Oceano Pacífico enquanto tentava realizar uma volta ao mundo, mas desta vez não estava sozinha e foi acompanhada por outras pessoas que ajudariam na travessia.

Como o corpo de Amelia Earhart nunca foi encontrado, o seu desaparecimento fascina as pessoas até hoje com várias teorias sendo ditas sobre o que poderia ter acontecido com ela durante mais uma de suas aventuras.

Uma destas teorias afirmava que a aviadora norte-americana foi capturada pelas forças imperiais japoneses sendo considerada uma espiã dos Estados Unidos. Outra garantia que ela teria conseguido chegar ao seu destino e que teria mudado de identidade para não receber muita fama.

Além da carreira como aviadora, Amelia Earthart também foi uma escritora de sucesso. Ela foi editora na revista Cosmopolitan entre 1928 e 1930 no setor de aeronáutica e escreveu diversos artigos e colunas para jornais. Além disso, ela escreveu dois livros baseados em suas viagens.

Em julho de 2012 mais uma expedição formada por cientistas e admiradores de Amelia Earthart partiu para tentar solucionar o mistério. O grupo partiu para a ilha Nikumaroro, local mais próximo do recebimento da última mensagem de rádio de Amelia durante o voo. A ilha está localizada em Kiribati, na zona centro-oeste do Pacífico.