Publicado em: quarta-feira, 06/02/2013

Alunos brasileiros podem se inscrever na 16ª Olimpíada Brasileira de Astronomia

Alunos brasileiros podem se inscrever na 16ª Olimpíada Brasileira de AstronomiaEstudantes brasileiros do ensino fundamental e do ensino médio de escolas públicas e particulares poderão se inscrever na 16ª edição da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA) até o dia 13 de março e as provas irão acontecer no dia 10 de maio nas escolas em que estudam. As escolas que não participam podem se inscrever através do site da olimpíada ou em fichas de cadastros que serão enviadas para as escolas que ainda não participam.

A olimpíada reuniu aproximadamente 800 mil alunos de 9 mil escolas de todas as regiões brasileiras e distribuiu um número superior a 32 mil medalhas em 2012, no total estiveram envolvidos 64 mil professores. A expectativa para 2013 é de que a quantidade de participantes ultrapasse 1 milhão de alunos.

Esta competição conta com quatro níveis, sendo os três primeiros voltados a alunos do ensino fundamental, e o quarto, ao ensino médio. As medalhas vão sendo distribuídas pela pontuação que cada aluno um obtém durante a prova, em quatro níveis diferentes.

Conforme o astrônomo Dr. João Canalle, coordenador nacional da OBA, cada uma das provas é constituída por dez perguntas, sendo cinco da áreas de astronomia, três da área de astronáutica e duas sobre energia. Ele diz que as questões vão ser em grande parte, de raciocínio lógico, E, várias vezes, a resposta pode estar em enunciados de outras questões desta prova. A missão do OBA é levar uma grande quantidade de informações de astronomia e astronáutica, fora criar o interesse de jovens nas ciências espaciais.

Os melhores alunos na olimpíada desse ano irão integrar equipes que vão representar o Brasil nas olimpíadas Internacional de Astronomia e Astrofísica e na Latino-Americana de Astronomia e Astronáutica de 2014. Fora isso, os alunos que participarem da edição de 2013 podem concorrer a vagas em Jornada Espacial, de Energia, de Foguetes e no Space Camp. Durante estes eventos, os alunos ganham materiais didáticos, tem palestras com especialistas e podem receber bolsas de iniciação científica.