Publicado em: sexta-feira, 13/09/2013

Aluna de uma escola na Inglaterra é punida por escola após raspar o cabelo

Aluna de uma escola na Inglaterra é punida por escola após raspar o cabeloUma menina de 12 anos de idade foi punida por sua escola na Inglaterra porque ela decidiu raspar seu cabelo para que conseguisse arrecadar mil libras para que fossem doados para a campanha de combate ao câncer de mama, a menina após ter essa atitude e aparecer na escola com o cabelo raspado teve de permanecer sem contato algum com seus colegas de sala por dois dias, essa foi a punição que a escola designou a garota.

De acordo com informações da imprensa inglesa a jovem Charlotte Duggan tinha os seus cabelos longos e decidiu raspá-los para além de arrecadar dinheiro para a campanha de câncer de mama, ela pudesse fazer uma homenagem para sua avó que teve câncer de mama e conseguiu vencer a doença após nove anos de batalha.

Charlotte decidiu que cortaria seus cabelos durante o período de férias escolares e ao retornar para escola, a professora que dava aula para a garota não gostou de sua atitude e lhe concedeu como castigo o período de dois dias sem poder ter contato algum com os colegas de turma, além de ter suas idas até a cantina do colégio sob controle deles, para não possibilitar qualquer tipo de contato com a aluna.

Charlotte disse que ficou muito infeliz com a atitude que a escola tomou m relação a sua atitude, segundo ela, quando ela decidiu raspar o cabelo ela não teve a oportunidade de comunicar para a escola a sua decisão, pois estava em férias, mas Charlotte ressalta que pensava que casos de suspensão somente aconteciam no caso de os alunos se comportarem mal na escola, o que de fato ela aprendeu que não é bem assim, Charlotte disse ainda que ainda não sabe quais são os efeitos que essa atitude da escola pode ter em relação a sua educação.

A mãe da menina disse que se sente orgulhosa pela atitude de sua filha e que a atitude da escola foi errada por tentar fazer com que Charlotte sentisse que sua atitude foi errada.

A escola declarou que quando os alunos entram na escola recebem um manual com as regras da instituição e que dentre essas regras existe uma que fala sobre a padronização do cabelo, disse ainda que ofereceu para a garota a possibilidade de que ela assistisse a aula utilizando um lenço, porém essa alternativa não foi aceita pelos pais da menina.