Publicado em: terça-feira, 15/07/2014

Alemães que são acusados de roubar obra de aeroporto serão conduzidos a Centro de Detenção Provisório

Alemães que são acusados de roubar obra de aeroporto serão conduzidos a Centro de Detenção ProvisórioDepois de serem detidos por roubarem uma obra que estava exposta no aeroporto de Guarulhos na noite desta segunda-feira, os dois alemães serão encaminhados a um Centro de Detenção Provisório ainda nesta terça-feira, as informações são da polícia.

Rainer Kramm que tem 48 anos de idade e também Keiko Beck de 39 anos estavam acompanhado a seleção Alemã de futebol e quando foram detidos pelo roubo os dois já estavam prestes a retornar para a Alemanha.

No momento em que foram detidos os dois usavam o uniforme da seleção Alemã, o que tornou mais fácil a identificação de ambos, de acordo com informações passadas pela Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, a obra estava no aeroporto protegida por uma caixa acrílica, no momento da ação os dois retiraram este acrílico, pegaram a estátua e a colocaram na mala, despachada posteriormente como bagagem comum.

A estátua que sofreu a tentativa de roubo faz parte da exposição intitulada de “Bate bola, embarque de uma paixão”, por ser confeccionada em Bronze a mesma está avaliada em R$ 25 mil reais e foi criada por Inos Corradin que é pintor e escritor ítalo-brasileiro.

Os Alemães foram filmados pelas câmeras de segurança do sistema interno do aeroporto e após a ação os dois foram para um bar que fica no próprio aeroporto esperar pelo horário do embarque no voo que tinha como destino Munique, porém na noite desta segunda-feira, após serem identificados os dois foram conduzidos para uma delegacia policial e ainda nesta terça-feira vão ser encaminhados para um centro de detenção provisória, após receberam a acusação formal.

Os dois acusados irão permanecer detidos enquanto esperam pela decisão da Justiça Brasileira a respeito do futuro do caso.