Publicado em: terça-feira, 10/07/2012

Alemã vive sem dinheiro há 16 anos

Há 16 anos, a alemã Heidemarie Schwermer decidiu largar a vida que tinha como psicoterapeuta e professora, doar todos os seus bens, dinheiro e, até mesmo, seu apartamento, e viver sem ter nenhum dinheiro no bolso. Em uma entrevista, a alemã afirma que sua atitude lhe deixou muito mais feliz do que era antes. Heidemarie era muito preocupada com as pessoas que viviam nas ruas em seu país, e, com isso, tomou a decisão de ser como elas.

A alemã, de 69 anos, planejou sua experiência por apenas um ano, porém, depois que começou, percebeu que não iria conseguir levar a vida que tinha antes. Ela afirma que sua atitude foi uma “grande libertação”. Para Heidemarie, a melhor coisa é não sabe o que poderá acontecer durante a noite, ou na manhã seguinte. Ela conta que não possui medo, mas sim curiosidade.

Início

Heidemarie conta que, no começo, ela trocava serviços por alimentação e moradia. A alemã, por exemplo, limpava as casas e ajudava aqueles que tinham algum problema pessoal. Ela explica que, agora, não se trata de uma troca de serviços, mas sim de um compartilhamento. Na entrevista, a alemã afirma que doa o que quer e não o que ela realmente precisa.

Com este pensamento, Heidemarie consegue suprir suas necessidades. Sua alimentação e o transporte são pagos pelas pessoas, e as roupas ela ganha de doações. Em troca, a alemã oferece espiritualidade. Ela conta que não troca por coisas materiais a ajuda que recebe, mas sim com a sua presença. Heidemarie conta que muitas pessoas estão sozinhas ou com problemas, e ela os ajuda a superar tudo isso.