Publicado em: terça-feira, 28/01/2014

Agora no Atlético-PR, Adriano tem mais uma recaída

Agora no Atlético-PR, Adriano tem mais uma recaídaO atacante Adriano, que nos últimos tempos se destacou exclusivamente pelas atitudes fora dos gramados, voltou a causar problemas nesta semana. Agora no Atlético-PR, o Imperador não se reapresentou na quinta-feira, quando era aguardado com o restante do elenco do Furacão. A equipe teve folga na terça-feira, e Adriano aproveitou a ocasião para ir ao Rio de Janeiro.

Mário Celso Petraglia, presidente do Atlético-PR, tentou minimizar o problema. O dirigente acredita que Adriano conseguirá dar a volta por cima. Para Petraglia, o Imperador tem todas as condições de recuperar seu bom futebol e voltar a atuar em alto nível.

Sem contrato

Apesar da confiança de Petraglia na recuperação de Adriano, o clube não firmou qualquer contrato com o Imperador, apenas ofereceu sua estrutura para que o atacante possa recuperar a boa forma física. Adriano está desde dezembro de 2013 no Furacão e, caso siga a recuperação à risca, poderá disputar a Libertadores pelo clube.

Festa

Adriano deveria retornar ao Atlético-PR na quinta-feira. Contudo, o atacante foi visto na noite de quarta-feira em um show dos Racionais MCs, no Rio de Janeiro, quando chegou inclusive a subir no palco. De acordo com informações da assessoria do atacante, o Imperador foi liberado pelo Furacão para ficar no Rio de Janeiro até o final de semana, retornando a Curitiba na segunda-feira. Esta informação não foi confirmada pelos dirigentes do clube.

A assessoria de Adriano informou, também, que o atacante não retornou ao Paraná porque teve de registrar sua filha recém-nascida.

A situação de Adriano no Furacão, assim como nos últimos clubes por onde passou, é indefinida. O Imperador tem todo o respaldo do presidente do Atlético-PR, mas a opinião não parece ser compartilhada por Miguel Ángel Portugal, treinador da equipe. Miguel já declarou que Adriano não participará da pré-Libertadores, quando o Atlético-PR enfrentará o Sporting Cristal. As partidas acontecem nos dias 29 de janeiro e 5 de fevereiro.

Concentração

No começo do ano, Adriano deu esperanças para a diretoria do Atlético-PR. Petkovic, ex-companheiro de Imperador no Flamengo e atual treinador da equipe sub-23 do Furacão, deu declarações nas quais afirmou que o atacante tem demonstrado muita vontade de retornar aos gramados, tendo inclusive perdido bastante peso.

Na segunda semana de janeiro, o Imperador chegou a se concentrar com o restante do elenco do Furacão. Mesmo sem contrato, Adriano participou de todas as atividades de rotina da equipe.

Prestes a completar 32 anos, Adriano disputou sua última partida em 2012, ainda pelo Corinthians. Ainda naquela temporada, o atacante se transferiu para o Flamengo, onde esteve longe de entrar em campo. Após pensar em aposentadoria, o Imperador acabou sendo convidado pelo Atlético-PR para tentar recuperar seu bom futebol. Nos últimos quatro anos, Adriano disputou apenas 16 partidas, oito delas pelo Corinthians, outras oito pela Roma. Neste período, o Imperador marcou apenas dois gols, ambos pelo Corinthians. A última grande fase de Adriano aconteceu em 2009, quando estava no Flamengo. Na ocasião, o Imperador participou de 47 partidas, marcando 34 gols.