Publicado em: sábado, 23/02/2013

Aécio e Lula vão andar pelo país em ritmo de campanha eleitoral

Aécio e Lula vão andar pelo país em ritmo de campanha eleitoralOs dois protagonistas que realizaram discursos para que a corrida eleitoral para o Planalto no ano que vem fosse antecipada, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) vão planejar percorrer o Brasil durante o segundo semestre deste ano.

Grande aposta que a oposição tem para o próximo pleito, Aécio afirmou para aliados que está aguardando o começo da exibição de inserções do seu partido na TV, que ocorrerá no mês de maio, para que comece a andar pelo país.

Já o ex-presidente, que lançou a candidatura a reeleição da sua sucessora Dilma Rousseff durante a quarta-feira (20) faz discussões junto aos aliados de maneiras para andar no país, a partir do mês de junho, para que pudesse elaborar um programa para o PT para que Dilma possa disputar a presidência durante o próximo ano.

Antes de isso ocorrer, vai visitar, a partir da próxima quinta-feira (28) até o mês de maio, uma dezena de cidades brasileiras em uma série de seminários que o Partido dos Trabalhadores (PT) vai exaltar os dez anos que está comandando o país.

Já o Senador Aécio Neves, pensa que só depois de haver uma apresentação de maneira mais efetiva nos veículos que fazem a comunicação de massa no Brasil e que vai ter uma base para que possa começar a caminhada rumo ao governo.

A propaganda do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) na TV deve começar a ser exibida no fim do mês de maio, entre os dias 25 até 29, e vai terminar no dia 1º de junho, data em que Aécio já deve estar à frente da presidência nacional do partido.

Afirmando ter se centrado em realizar articulações internas, Aécio vai para Belo Horizonte, durante a próxima segunda (25), na abertura de um seminário do PSDB local junto ao ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. No mês de março, ele irá voltar para Minas, agora para comandar uma palestra junto ao governador paraense Simão Jatene (PSDB).

Os seminários vão servir para que o senador seja mantido na mídia até que a convenção nacional do PSDB que está marcada para ser realizada entre os dias 18 a 25 de maio ocorra.