Publicado em: segunda-feira, 21/09/2009

Adolescente é primeira vítima de raiva a ser curado no país

Um adolescente de 16 anos, que ficou internado por mais de cem dias em um hospital de Recife, Pernambuco, é o primeiro caso reconhecido pelos médicos de um paciente que se curou de raiva humana no Brasil.

Marciano Menezes da Silva já foi levado de volta para sua casa, no município de Floresta. Segundo seus médicos, o adolescente apresentou uma melhora significativa e não corre mais riscos de morrer por causa da infecção.

O jovem contraiu a doença, tida como mortal em 100% dos casos, após ser mordido por um morcego enquanto dormia em sua casa, no sertão de Pernambuco, em setembro de 2008.

Esse é o segundo caso de cura de raiva humana no mundo. O primeiro caso que conseguiu a cura é de uma adolescente americana. Um terceiro caso está sendo investigado na Colômbia.

É possível que seu navegador não suporte a exibição desta imagem.