Publicado em: quinta-feira, 27/10/2011

Abuso de álcool foi a causa da morte de Amy Winehouse

A cantora britânica Amy Winehouse, faleceu aos 27 anos no dia 23 de julho deste ano. Porém, a causa de sua morte só foi revelada agora. De acordo com o laudo do exame toxicológico, a cantora teve uma morte acidente por consumo excessivo de álcool. Amy, que tinha fãs espalhados por todo o mundo, teve uma morte prematura que muitos já davam como certa devido a seus abusos com drogas e bebidas alcoólicas.

O pai da cantora, Mitch Winehouse, disse que a filha estava longe das drogas há três anos. Ele elogiou a Amy e disse que ela teve uma “recuperação fantástica”. O problema de Amy Winehouse, durante o período que antecedeu sua morte, seria justamente a bebida, mas, de acordo com o pai, ela estava tentando largar o álcool.

De acordo com o The Sun, Mitch afirmou que a filha estava se esforçando muito para parar com o vício, e estava há três semanas sem colocar álcool na boca. Ela havia dito ao pai que não suportava o olhar que a família lançava para ela, e era hora de parar.

O enterro da jovem cantora foi fechado para o público, apenas os familiares e amigos próximos puderam estar presentes no adeus a Amy. A grande artista será lembrada por seus fãs pela sua incrível voz, letras inteligentes e músicas que contagiavam. Seu talento não será esquecido.